07/01/2016

Old but gold: Danger! I'm falling in love


Definitivamente eu não sei lidar com isso. Odeio essa sensação tão familiar que estou tentando evitar a um bom tempo. Você está em cada musica da Taylor Swift e em cada dia chuvoso. E eu gosto disso, mesmo sabendo que você não vale o chão que pisa. A essa altura, percebe-se que minha vida amorosa se resume em garotos cafajestes e corações partidos. Por esse motivo, eu tenho fugido de sentimentos todos os dias até aqui. Até eu reconhecer que você sempre mexeu comigo de uma forma diferente dos outros idiotas.

Borboletas no estômago, musicas bonitinhas e uma ansiedade sem fim. Deveria estar te odiando por ter conseguido reanimar meu coração ou agradecer? Não, agradecer não parece uma boa ideia. Afinal, eu sei como essas histórias terminam. Um coração partido e um cara se vangloriando por ai. Já passei muitas vezes por essas situações, acredito ter aprendido a lidar com tudo isso, mas com você é tudo muito diferente e novo.

Minhas amigas disseram para eu me afastar. Elas sabem que eu me apaixono fácil por qualquer idiota como você. Embora eu saiba o quanto elas estão certas, aprendi que simplesmente não dá pra fugir desse tipo de sentimento. Tentei todos os dias e acredite, eu fui firme até agora. Vacilei em alguns momentos, mas voltei a minha atitude cautelosa. Tudo isso fora desperdiçado a partir do momento em que eu vi você se aproximar e abrir aquele sorriso que eu deveria odiar. Mas jamais conseguiria.

Você é uma pessoa fácil de gostar, embora tenha todos esses defeitos irritantes. Dessa vez eu não consigo ser cautelosa, não consigo não ser impulsiva com tudo isso. Eu sei, você também. A diferença entre nós dois é que eu tenho o coração eternamente quebrado e você, mantem o seu intacto. Talvez, sejamos certos um para o outro. Talvez exista um motivo para meu coração masoquista se atrair por você que não seja se machucar ainda mais.

Essa história definitivamente não começa com um o famoso era uma vez e sim com um talvez. Eu não sei que tipo de sentimento é esse e não, não sou uma donzela em perigo presa na torre esperando ser salva. Você, definitivamente não ficaria bem fazendo o papel de Príncipe charming. Isso tem tudo para dar errado, eu sei, mas eu quero pagar pra ver aonde termina. Quero ver se esse amor tolo pode sim dar uma bela história.

Gostou do texto? Deixe um comentário! Sua opinião é muito importante pra mim ♥ 

Nenhum comentário:

Postar um comentário